Política, cultura e generalidades

sábado, 4 de junho de 2016

Meus palpites para 2018, mais de dois anos antes da eleição presidencial

Meu palpites para 2018:

Nem os mimizentos do PT nem os tucanos com pompa, empáfia e punhos de renda elegerão seus candidatos. É mais fácil ganhar alguém de partidos novos como Rede ou Partido Novo.

Ou então pode vir algum outsider. Tipo Ronaldo Caiado ou Jair Bolsonaro. Se Caiado e Bolsonaro vierem na mesma chapa, capaz de levarem no primeiro turno. Nada surpreendente num país essencialmente conservador como o Brasil, que nunca foi progressista. Muito menos liberal.

Está aberta a Caixa de Pandora. Anotem aí.

Comentários no Facebook.

Nenhum comentário:

Postar um comentário