Política, cultura e generalidades

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Troféu Tolo do Ano 2014

"Já são dez anos que o Vasco está jogando o Campeonato Paulista, e não o Carioca, pois eles não ganham nunca. A felicidade é ver a torcida rival indo embora de cabeça baixa. Roubado é mais gostoso ainda".
Rodrigo, goleiro do Flamengo. Fonte: Lance!.

Jogadores de futebol bem sucedidos costumam servir de inspiração para outras pessoas, especialmente os jovens. Não podem falar barbaridades como essa. Só por essa frase, Rodrigo conseguiu superar todos os candidatos ao Troféu Tolo do Ano 2014, tanto do primeiro como do segundo semestre. E olha que este ano foi pródigo de candidatos, com eventos que foram de um épico 7 a 1 da Seleção da DFB pra cima da Seleção da CBF na já pródiga em lambanças Copa 2014 até o povo que foi pra rua em 2013 protestar e também quebrar tudo, mas em 2014 reelegeu os mesmos políticos picaretas de sempre nas esferas federal e estadual. Alguns destes políticos também sérios candidatos ao troféu, bem como vários candidatos derrotados.

Até o fechamento desta postagem, Rodrigo havia perdido a vaga de titular do time profissional de futebol do Flamengo. Quem sabe assim as besteiras que ele eventualmente fale influenciem menos gente, hoje em dia.

O Troféu Tolo do Ano voltará em 2015, assim como este blogue. Como não tenho muito tempo para escrever e não vivo disto aqui, as postagens continuarão sendo eventuais, sem intervalo definido, como foi em 2014. Aproveito para desejar um feliz 2015 para todos os leitores que nos acompanham e dão sua atenção. Até o ano que vem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário