Política, cultura e generalidades

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Eleições 2014: Desmascarando o mito da cidade "esquerda caviar"

Nesta terra brasileira de mil preconceitos regionais, principalmente contra os amigos do Nordeste, destaco aqui os destilados contra esta cidade: o Rio de Janeiro. O pessoal se prende à votação geral no ESTADO DO RIO DE JANEIRO, onde Dilma Rousseff teve no segundo turno uma votação bem mais contundente que a de Aécio Neves. Mas nem contra o estado ou a cidade o pessoal deveria destilar preconceito.

Aqui destacarei apenas a votação na CIDADE DO RIO DE JANEIRO. Longe da contundente vitória dilmista no resto do estado (noves fora onde Aécio venceu com folga, como em Niterói), a cidade do Rio praticamente foi um espelho do Brasil: uma eleição praticamente empatada, com pequena vantagem de Dilma Rousseff, como pode ser verificado aqui. O G1 apresentou um quadro com a votação no estado nos dois turnos. Dentro deste quadro, há a votação apenas na cidade do Rio de Janeiro no segundo turno separada por zonas eleitorais. É possível perceber claramente que Dilma Rousseff venceu em todas as zonas eleitorais da Zona Oeste e Aécio Neves venceu em todas as zonas eleitorais da Baixada de Jacarepaguá. No restante da cidade, os dois candidatos tiveram vitórias em zonas eleitorais em áreas da cidade tidas como domínio da candidatura adversária. Dilma venceu na 179ª Zona Eleitoral (Barra), 211ª (Jardim Botânico) e 164ª (Laranjeiras). Há de se anotar que a 211ª Zona Eleitoral engloba Rocinha e Vidigal, duas das maiores áreas carentes da cidade. Já Aécio Neves venceu em pelo menos quatro zonas eleitorais suburbanas onde uma vitória dele seria inimaginável até 2010: 15ª (Marechal Hermes), 14ª (Todos os Santos), 215ª e 216ª (Del Castilho). As vitórias de Dilma e Aécio nas demais zonas eleitorais da Zona Norte estão dentro do esperado: vitórias de Aécio em zonas eleitorais de classe média (Méier, Maracanã, Tijuca, Vila Isabel, Ilha do Governador e Portuguesa da Ilha) e Dilma Rousseff vencendo em todas as outras zonas eleitorais.

Pelo menos esses resultados desmascaram o mito da cidade "esquerda caviar" que os preconceituosos querem impor a esta cidade.

Encerrando, deixo aqui um atalho para a votação da zona eleitoral onde voto: a 14ª. Basta consultar o portal do TRE. Dá pra mostrar na cara dos aecistas com raivinha das áreas que ajudaram Dilma Rousseff a ganhar. Aqui a papisa do lulismo não se criou. Nem no primeiro turno!

Leia mais em Se dependesse da cidade do Rio, Dilma Rousseff nem estaria no 2º turno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário