Política, cultura e generalidades

sábado, 23 de agosto de 2014

Uma grata surpresa no cinema: Feiticeira Escarlate


Desde a década passada há uma série de personagens de quadrinhos sendo levados aos cinemas, pelos mais diversos estúdios. A maior quantidade de personagens tem sido da editora Marvel, levados às telas de cinema por estúdios como Fox, Sony Pictures e a própria Marvel Studios.

No meio de tantos personagens fortes (no sentido da força física), uma personagem feminina poderosa e com personalidade poderá roubar a cena num meio dominado por personagens masculinos. Aliás, é raro encontrar um filme do gênero dos super-heróis protagonizado por uma personagem feminina. Quem sabe esta aqui tenha um filme solo, um dia?

Feiticeira Escarlate (alcunha de Wanda Maximoff) é uma mutante, famosa nos quadrinhos por ter integrado, em publicações de várias décadas, várias formações do grupo de super-heróis Vingadores. A personagem tem uma longa história, que começou há exatamente 50 anos, com a publicação de sua primeira história, em X-Men #4. Basta dizer que seus pais biológicos são a mulher humana Magda e o poderoso vilão mutante Magneto. Magda fugiu com medo de Magneto, sem saber que estava grávida novamente (a primeira filha morreu pouco tempo antes), e foi dar à luz aos filhos gêmeos Wanda e Pietro (o futuro mutante Mercúrio, ou Quicksilver, em inglês) na Montanha Wundagore. Os gêmeos foram adotados ainda bebês pelo casal de ciganos Django e Marya Maximoff, que lhes deram o sobrenome. Quando adolescentes, os gêmeos viram o acampamento cigano onde estavam ser atacado por aldeões e fugiram, perdendo contato com os pais adotivos. Vagaram sozinhos por anos na Europa, chegaram a recusar um convite para entrar na escola de mutantes de Charles Xavier e acabaram entrando para o bando de vilões da Irmandade de Mutantes. Sem saber que o líder da irmandade Magneto era o pai deles, e sem que Magneto soubesse, também. Não ficaram muito tempo. Com a irmandade aprisionada por Sentinelas (dróides construídos exatamente para capturar e matar mutantes), os gêmeos aproveitaram que foram libertos pelos X-Men pra sair da Irmandade e da tutela de Magneto. Não demoraria para ambos entrarem para o grupo Vingadores. Pietro não ficaria muito tempo, mas Wanda permaneceu muito mais, integrando várias formações, eventualmente saindo e voltando. Só alguns anos depois, Magneto descobriu ser pai biológico de Wanda e de Pietro, e contaria a verdade aos dois.

Nada dessas origens da Feiticeira deverá ser mostrado nos filmes da Marvel Studios, porque há anos atrás (bem antes da compra pela Disney) a Marvel vendeu os direitos cinematográficos dos X-Men para a Fox. O que incluiu o nome da franquia, a Irmandade de Mutantes, o conceito de mutantes e vários personagens. Os mutantes que foram ao mesmo tempo do grupo dos Vingadores que fossem utilizados primeiro pela Fox passariam a ser sua exclusiva propriedade. Caso de Wolverine, Fera, Vampira e Mancha Solar. Os outros, se a Marvel quisesse utilizar, não precisaria de autorização da Fox. Esses outros são apenas e exatamente Feiticeira Escarlate e Mercúrio. Por isso, os dois estarão presentes em Os Vingadores 2: A Era de Ultron, apesar de outra versão de Mercúrio já ter aparecido em X-Men: Dias de um Futuro Esquecido.

Feiticeira Escarlate é, como a própria alcunha diz, uma feiticeira. Teve uma influência maligna dada ao nascimento pelo demônio Chthon (preso dentro da Montanha Wundagore), que lhe deu a capacidade de manipular a energia do caos, o que aumentou consideravelmente os poderes que Wanda já tinha antes de nascer. No entanto, os cuidados de seu irmão Mercúrio, o horror diante dos atos de Magneto e a amizade com vários Vingadores acabou imprimindo à Wanda uma boa índole, apesar de ainda permanecer uma pequena tendência a mudar de lado, o que, somada a uma certa tendência a perder o controle e a dosagem sobre seus imensos poderes, torna a personagem mais imprevisível e mais interessante de ser vista.

A versão cinematográfica de Wanda Maximoff apareceu pela primeira vez em Capitão América 2: O Soldado Invernal. Aparece apenas na cena intercréditos. Wanda e o irmão estão numa base secreta da Hidra, treinando suas habilidades. Wanda tem habilidades telecinéticas e as pratica com cubos de madeira. Faz isso apesar de ter as mãos enfaixadas e com válvulas para tirar sangue ou para injeção intravenosa. Poderão ser incluídos no filme Os Vigadores 2 outros poderes dela, como alteração da realidade, comunicação com criaturas e coisas do passado, do futuro e de outras dimensões (possivelmente incluindo os mortos) e a capacidade de degenerar rapidamente matéria orgânica e matéria inorgânica. Ilustrei este texto com uma foto dela se exercitando, em sua primeira aparição cinematográfica. Como a Hidra é uma organização subversiva internacional derivada do nazismo e pretende subjugar o planeta, a tendência é que os irmãos Maximoff deixem a Hidra e ingressem para os Vingadores, ao longo do filme Os Vingadores 2: A Era de Ultron. Se nos quadrinhos os gêmeos Maximoff integraram por um breve tempo a Irmandade de Mutantes, nos filmes da Marvel só poderiam integrar outro grupo de vilões, antes de serem Vingadores. Outros aspectos da origem dos gêmeos podem ser mudados nos futuros filmes, ou não. Nos dois filmes já rodados, Feiticeira Escarlate é interpretada pela atriz Elizabeth Olsen, ainda uma jovem revelação do cinema e séria candidata a musa nos próximos anos. Ainda mais com o figurino gótico que estão lhe dando para interpretar Feiticeira Escarlate em Os Vingadores 2. Aguardem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário