Política, cultura e generalidades

domingo, 20 de abril de 2014

É necessário paciência de Jó pra ser padre ou bispo neste país

Resposta para Tribuna da Imprensa:

Esse pessoal não sabe mais o que escreve. Outro dia mesmo diziam que o Dom Orani era TL (Teologia da Libertação), CNBBista, adepto do “pobrismo” do Papa Francisco. Agora só faltam acusa-lo de ser “mais reacionário que Dom Eugenio Sales”, que aliás almoçava todo domingo de Páscoa com a população carente no subsolo da Catedral.

Me lembram o pessoal que escreve sobre o Papa Francisco. Uns dizem que ele colaborou com a ditadura argentina. Na Fox News dizem que Papa Francisco é marxista. Falam demais por não terem nada a dizer.

A única certeza é que Dom Orani não tem escapatória. Se mantém a Catedral fechada, continuarão dizendo que está fechando a Igreja para Cristo na figura dos pobres. Se aciona os órgãos eclesiais caritativos como a Cáritas e o Banco da Providência, dirão que a Igreja quer tomar o lugar do Estado, que não cumpre suas obrigações. E olha que foram eles que elegeram os governantes que estão aí nos cargos eletivos do Estado. Ou então dirão que acabou a separação Igreja-Estado consagrada pela República. Tem até gente que diz que nenhuma instituição religiosa deveria ter clínicas de recuperação de dependentes químicos...

Realmente, é necessário paciência de pra ser padre ou bispo neste país. Sempre terá que despertar o mimimi da politicalha da extrema direita ou da extrema esquerda, ambas com uma visão unicamente utilitarista para a Igreja, em seus objetivos políticos hegemônicos, golpistas ou revolucionários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário