Política, cultura e generalidades

domingo, 6 de outubro de 2013

Maracanã: um Vazião ainda mais evidente que o Engenhão

Se o Engenhão já era chamado de Vazião, imagine agora o Maracanã! Ontem cerca de 14 mil pessoas compareceram ao Maracanã para conferirem o time do Grêmio vencer o do Botafogo pelo placar de 1 a 0. Isso com um jogador a menos, já que um jogador gremista foi justamente expulso ainda no primeiro tempo. O Engenhão já costumava receber um público semelhante (14 mil pessoas ou menos) para assistir partidas do Botafogo e de outros times cariocas.

Até ontem, eu só tinha ido no Maracanã umas três vezes. E era o clássico Maracanã, não esse bilionário atual. Vi nos anos 80 uma partida em que o time do Flamengo derrotou o time do mesmo Botafogo por 2 a 0. Anos antes desse Flamengo x Botafogo, fui levado pela família para ver a chegada do suposto Papai Noel num dezembro da primeira metade da década. Na terceira vez, já nos anos 90, fui prestar a prova da Aeronáutica que me permitiu ingressar lá como soldado especializado de primeira classe.

Ontem fui ver esse Maracanã bilionário pela primeira vez. Duvido que ele cative a torcida carioca. Se a torcida já anda desconfiada com a mediocridade dos quatro pseudo-times grandes do futebol carioca, está mais desconfiada ainda desse Maracanã que não lembra nada do consagrado Maracanã e não deixa os usuários à vontade para torcer, e que só tem setores com ingressos baratos atrás das traves de gol. O novo Maracanã só leva vantagem nos itens visual, conforto e visibilidade. Pessoas que foram lá antes andam reclamando até do sistema de som do novo Maracanã, segundo elas tão ruim quanto o do velho estádio.

Com relação ao Grêmio, bem que o time porto-alegrense poderia ser declarado campeão carioca. Venceu todas as cinco partidas disputadas até agora contra times cariocas no Brasileirão de 2013! Venceu o Botafogo em casa e no Maracanã, venceu o Vasco em São Januário, venceu o Fluminense na Arena e venceu o Flamengo em campo neutro. Os cartolas do Flamengo é que foram otários. Mandaram Flamengo x Grêmio (mando de campo do time carioca) para Brasília, uma cidade cheia de gaúchos. O que ajudou o Grêmio a vencer por 1 a 0, diante da invasão da torcida gremista no Mané Garrincha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário