Política, cultura e generalidades

domingo, 5 de maio de 2013

O Rio de Janeiro tem, sim, reacionários

Respostas para Diário do Centro do Mundo:

Xandão

Serei apedrejado por isso, mas a virada do Lobão se deu após sua mudança pra São Paulo. Acho que ele foi mordido pela mosca conservadora azul dos Jardins. Pegou um surto de TFP e não se curou.

kikonogueira

Ah, sim, porque no Rio não tem reacionário...

No Rio tem reacionários, sim. Só que Lobão diz que o Rio, segundo a ótica de Lobão, virou um antro de insensíveis (ele diz ter visto um cadáver baleado na Lapa ter sido retirado do chão e um garçom ter colocado indiferentemente uma mesa em cima da poça de sangue) e também uma cidade de pessoas encostadas no Estado de alguma forma e de eleitores de políticos lulo-dilmistas como Cabral Filho, Eduardo Paes, Marcelo Crivella e os próprios Lula e Dilma. Lobão acredita que São Paulo é uma cidade com população mais adepta do liberalismo capitalista, que é o pensamento que ele defende. Tanto que ele ingressou no partido Liber, que não tem registro no TSE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário