Política, cultura e generalidades

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Tucanos fluminenses querem Huck governador

Na virada de 2012 para 2013, surgiram rumores de que tucanos fluminenses sonham em lançar o apresentador global Luciano Huck candidato a governador do Rio de Janeiro em 2014. A notícia se espalhou na Internet a partir de nota de Ilimar Franco publicada no Blog do Noblat.

Esses tucanos fluminenses devem estar muito desesperados. Em franca extinção. Também tem a questão de que precisam se tornar relevantes eleitoralmente, para darem um palanque para o presidenciável Aécio Neves em 2014 no Rio de Janeiro, estado dominado por partidos lulo-dilmistas. O PSDB nunca foi relevante eleitoralmente no Rio de Janeiro. Até hoje, jamais elegeu um prefeito para a capital. No máximo elegeu Otavio Leite para vice-prefeito de Cesar Maia (PFL) em 2004. E mesmo assim Otavio não teve espaço na gestão de Maia, largando a vice-prefeitura para se eleger deputado federal em 2006. O único governador eleito pelo PSDB-RJ foi Marcello Alencar, eleito em 1994 a bordo da popularidade do Plano Real de Itamar Franco e FHC. Hoje o PSDB-RJ é tão minúsculo quanto o PSOL. Ao contrário do PSDB-SP, que já venceu cinco eleições consecutivas para o Governo do Estado e elegeu um ruralista para fazer companhia ao ex-casal Suplicy na bancada paulista no Senado.

Quanto ao apresentador global, dizem que Luciano Huck não tem identificação programática com o PSDB. Ledo engado. Acompanhem os valores que o marido de Angélica passa na TV. Neoliberalismo puro. Aquela coisa da descrença total em soluções coletivas para a resolução dos problemas da sociedade. Apenas a crença no individualismo ou em paliativos bilaterais a partir da filantropia de ONGs ou empresas privadas, como os quadros Lar Doce Lar e Lata Velha do Caldeirão do Huck. Ou o projeto Criança Esperança da Rede Globo e da Unesco bancado por doações privadas, segundo dizem. Mas dizem que o homem está recusando o convite para se candidatar a governador.

Não é a primeira vez que alguém lança a ideia de uma candidatura de Luciano Huck. Há alguns anos um colunista da Veja (logo de onde!) disse que o PSDB deveria, sim, lançar a candidatura de Luciano Huck. Não para governador, mas para presidente da República. Veja, PSDB, Luciano Huck... Tudo a ver. A gente vê por ali.

Um comentário:

  1. SOCORRO!! AGORA ESSA TUCANADA ESTÁ QUERENDO LEVAR TUDO NO BICO?? Aí não dá! Inventem outro voo menos arriscado. Não queiram imitar o Fernão Capelo Gaiovota! Aliás o Luciano Huck está mais para pombo recém nascido do que para tucano. Tucano tem bico grande e pombo tem bico pequeno. Tucano não pode meter o bico num buraquinho para comer coró (que é um bichinho pequeno), já o pombo pode. E isso é mais perigoso ainda. Esta é uma metáfora, se alguém não entende, paciência.

    ResponderExcluir