Política, cultura e generalidades

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Nós e os candidatos a presidente dos EUA


Resposta para Tribuna da Imprensa:

Um americano escrever um artigo defendendo voto em Obama ou voto em Romney é compreensível, embora nem todos possam concordar. Eu só fico puto com estrangeiros (em relação aos EUA) defendendo qualquer candidatura de políticos americanos, sejam quem forem. O Estado americano se apresenta como patriota, mas sempre foi imperialista, nunca nacionalista (interessado nas próprias coisas e desinteressado nas coisas dos outros). De modo que, para todos nós de fora que não podemos votar para presidente dos EUA, qualquer presidente vindo do atual status quo da política partidária americana será sempre uma ameaça aos nossos interesses.

Também fico puto com a subserviência de emissoras da TV aberta brasileira que mandam âncoras apresentarem seus telejornais ao vivo diretamente de Washington, bem em frente à Casa Branca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário