Política, cultura e generalidades

sábado, 2 de junho de 2012

Gilmar Mendes seria um chantageável?

Eu não confio no atual quadro partidário brasileiro nem nesses ministros do Supremo Tribunal Federal indicados por presidentes cretinos e presidentas incompetentas, e aprovados por senadores cretinos. De modo que não levo a sério as denúncias de chantagem feitas por Gilmar Mendes contra Lula, nem as respostas evasivas de Sua Suprema Divindade do Lulo-Petismo.

Há uma dúvida fundamental. Gilmar Mendes é suspeito de manter ligações com o senador Demóstenes Torres e o bicheiro Carlos Cachoeira.

Eu não sei se Lula chantageou Gilmar Mendes. Não apareceram gravações, provas, nada parecido. Mas se Gilmar fosse um ministro do STF reservado, sem contato algum com a politicalha nacional, Lula jamais poderá (ou poderia) chantageá-lo. Porque Lula não teria nada a oferecer a Gilmar, nem mesmo proteção de seus aliados na CPMI do Cachoeira. Lula é que estaria nas mãos de Gilmar, que poderia até prender Lula em flagrante diante da chantagem (ou tentativa de corrupção ativa, como queiram) e chamar a patrulhinha mais próxima para leva-lo para a delegacia mais próxima.

Por enquanto, fiquemos na dúvida sobre essa gente. Não dá para apontar inocentes ou culpados em definitivo nessa história. Como diz o mestre Hélio Fernandes, "que República".

Nenhum comentário:

Postar um comentário