Política, cultura e generalidades

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

José Carlos Araújo ironiza pseudo sem terra e pseudo sem teto argentinos

Ontem o locutor José Carlos Araújo estava na cidade de Lanús (na Grande Buenos Aires) de onde transmitiria a partida entre o time local do Lanús e o do Flamengo, válida pela Libertadores, partida que terminou empatada em 1 a 1. De tarde, ele entrou ao vivo na programação da Rádio Globo para contar coisas relativas ao jogo. Lá pelas tantas, ele informou que um protesto que estava acontecendo no centro de Lanús não atrapalharia o trânsito para a chegada do público ao estádio.

José Carlos falou do protesto em si. Segundo ele, era um protesto de autoproclamados "sem terra" e "sem teto" argentinos. Só que o verdadeiro Garotinho fez observações irônicas sobre os manifestantes. Segundo o radialista, o tal grupo de "sem terra" e de "sem teto" eram pessoas muito bem arrumadinhas, com roupas boas, parecendo bem de vida, mesmo. "Esses não tem cara de sem terra e de sem teto", observou Garotinho.

Lá como cá, tem muita gente reclamando de barriga cheia. Devem ser os cansados da Argentina. Ou então devem ser meros agitadores demagogos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário