Política, cultura e generalidades

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Chico Pinheiro deixou São Paulo. Demo-tucanos agradecem

Já devo ter comentado isso com alguns colegas críticos da Rede Globo de várias tendências: esquerdistas, nacionalistas, católicos, evangélicos e outros. Nem todos aqueles que trabalham na emissora e nas subsidiárias compartilham, necessariamente, da ideologia neoliberal da casa.

Um deles é o jornalista Chico Pinheiro, que tempos atrás espinafrou no ar, ao vivo no SP TV, os governos demo-tucanos de São Paulo (estadual e municipal), por conta de alagamentos constantes que acontecem em algumas áreas da capital paulista. Chico era um dos poucos críticos das gestões demo-tucanas na filial paulistana da Vênus Platinada.

Só que Chico Pinheiro acaba de deixar a cidade de São Paulo, e por consequência a Globo São Paulo e o SP TV. Acaba de se mudar para o Rio de Janeiro e a matriz da Globo, onde agora está trabalhando no Bom Dia Brasil.

Como eu disse antes, nem todos os profissionais da Globo compartilham da linha neoliberal da emissora. Mas digo que a Globo sempre dá um jeito de podar a relativa independência de consciência deles. Ainda que Chico Pinheiro desejasse morar no Rio de Janeiro e trabalhar na matriz da Globo, ou que transferências de altos funcionários de unidades de uma mesma empresa de uma cidade para outra sejam comuns, sempre pairará a dúvida. Será que mandar Chico para o Rio (e para um telejornal nacional) não foi uma maneira de a emissora do PiG governista (em relação a São Paulo) agradar os tucanos?

Deixem eu ficar quieto. Quem quiser comentar, fique à vontade.

Um comentário:

  1. QUEM DEVERIA SER JORNALISTA INTERNACIONAL SERIA O CHICO, NÃO ESSE CARA CHATO!!!

    ResponderExcluir