Política, cultura e generalidades

domingo, 15 de maio de 2011

Socialista francês dirigia o famigerado FMI

Independente do fato de o pré-candidato socialista à Presidência da França Dominique Strauss-Kahn estar sendo acusado de abusar sexualmente de uma camareira de um hotel de Nova York e também de fazer outras estripulias (lembradas aqui), cabe uma pergunta:

O que fazia um socialista no cargo de diretor-gerente do FMI?

Vai ver, ele fazia o mesmo que o FMI e o socialismo sempre fizeram no mundo todo: vilipendiava a soberania das nações e fodia a classe trabalhadora pelas costas. Neste caso, ele literalmente queria foder uma trabalhadora novaiorquina.

Eu fico comovido com a convivência amistosa de um socialista francês com uma entidade neoliberal. Parece essa nova esquerda daqui do... Ah, deixa pra lá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário