Política, cultura e generalidades

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Os políticos velhos e o entulho de 1964

Resposta para a comunidade Rio de Janeiro - RJ:

O que sei é que tem que haver uma renovação urgente na política brasileira. A coalizão do Governo FHC teve e a do Governo Lula-Dilma tem uma série de nomes diretamente atrelados a aquele período 1964-1985. Nomes que até hoje clamam por uma revanche ou um acerto de contas entre eles por causa daquele período.

Lula: ex-preso político
Dilma Rousseff: ex-presa, ex-torturada
FHC: ex-exilado
Cesar Maia: ex-exilado
José Serra: ex-presidente da UNE, ex-preso, ex-exilado
José Dirceu: ex-guerrilheiro
José Sarney: ex-membro da base de apoio de 1964
ACM: ex-membro da base de apoio de 1964
Fernando Collor: ex-integrante da Juventude da Arena
Ciro Gomes: ex-integrante da Juventude da Arena

No Poder Legislativo, também temos uma proliferação de ex. No Senado, temos um monte de ex-governadores (Requião, Aécio, etc), ex-prefeitos (Lindbergh, Marta, etc), ex-presidentes (Sarney, Collor, Itamar), ex-ministros (Dornelles e outros), escroques, estrupícios e até ex-maridos bundões (Eduardo Suplicy, ex daquela senadora ex-prefeita).

Essa dos Suplicy foi só uma zoação minha, gente. rs

Não há de se falar em renovação na política com tantos nomes atrelados a 1964 ou à autointitulada Nova República.

Nenhum comentário:

Postar um comentário