Política, cultura e generalidades

terça-feira, 8 de março de 2011

Salgueiro: Nem pior, nem melhor. Apenas exagerado

Neste meu retiro de Carnaval, só mesmo as notícias pitorescas, insólitas e engraçadas me chamam a atenção.

A de ontem dá conta de que o Salgueiro desfilou neste ano por 10 minutos a mais que o tempo máximo estabelecido pelas próprias escolas de samba do Grupo Especial carioca. O regulamento delas prevê que uma escola que desfile por mais tempo que o máximo permitido perca 0,1 ponto para cada minuto de atraso. No caso do Salgueiro, isso deve dar 1 ponto inteiro a menos.

Talvez o Salgueiro seja a escola de samba mais vulnerável a esse tipo de coisa. Tudo na escola é exagerado, para o bem e para o mal. Sua bateria é talvez a mais pesada de todo o país. O que é algo digno de elogio. Como bem disse Lobão, uma bateria de escola de samba é mais pesada que muitas bandas de rock. Se referindo, naturalmente, a bandas metidas a pesadas, desde as do poser metal e/ou hard rock (tipo Guns N' Roses e Bon Jovi) até as atuais bandas emo ou happy rock.

O número de componentes das escolas de samba cariocas já foi exagerado, não apenas do Salgueiro. Mas os carros alegóricos da escola do Morro do Salgueiro continuam sofrendo pelo tamanho exagerado. Os carros alegóricos de várias escolas tem a maior dificuldade para saírem da Av. Presidente Vargas e entrarem na Av. Marquês de Sapucaí. As duas vias formam um ângulo reto. Além da dificuldade de manobra, vários carros quebram ali naquela esquina. Com os carros exageradamente grandes do Salgueiro, estes problemas aumentam junto.

Chega a ser insólito ver os componentes do Salgueiro correndo para passar pelo portão num tempo menor do que o já previsto atraso. Aí a evolução e a harmonia vão pras cucuias. O preço a cobrar deverá ser alto. A apuração das notas dos jurados do Grupo Especial será amanhã. O Salgueiro tem muito a temer nos quesitos evolução e harmonia. E ainda deve temer a perda do ponto inteiro.

A última escola de samba do Grupo Especial que exagerou no atraso foi a Viradouro, em 1992, creio eu. A escola de samba niteroiense (hoje no Grupo de Acesso A) terminou seu desfile com 13 minutos de atraso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário