Política, cultura e generalidades

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Respostas para servidores públicos na comunidade Prefeitura Rio de Janeiro

Postagens na comunidade Prefeitura Rio de Janeiro:

Servidores públicos

A classe dos servidores públicos (federais, estaduais e municipais) foi rejeitada nesse banquete de inclusão social do Governo Lula. Eles sobem a classe E para a D e a D para a C, e nos rebaixam da classe B para a C, da C para a D e da D para a E. E tome terceirizações, e tome OSs, e tome politiqueiros nos cargos de confiança no lugar dos técnicos...

E lá vem a roubalheira da Copa 2014 e da Olim Piada 2016. Mais massacre vem por aí.

Rejeito as dondocas progressistas que apóiam o Governo Lula-Dilma e rejeitam os governos Cabral-Paes. Não, dondocas. Os três governos estão juntos e misturados. É venda casada, mesmo. Se elegeu um, tem que levar os outros dois juntos.

Ou então façam como eu: rejeitem energicamente os três, que são inimigos da nossa classe, e rejeitem energicamente o demo-tucanato, agora prisioneiros do passado. Tenho que falar mal do demo-tucanato, senão os ignorantes vão urrar dizendo que tenho saudades deles...

Para mim, não faz o menor sentido levar este importante tópico adiante se não tivermos uma visão crítica do Governo que nos rejeita, porque não entramos no serviço público pela janela nem por indicação política.

Resposta para José Carlos:

Se José Carlos (participante da Comunidade) quiser ter alguma chance de debater com as dondocas progressistas, não pode citar links de nenhum destes grupos: Globo, Folha, Estadão, Abril e qualquer afiliada local das Organizações Globo. Os outros grupos golpistas as dondocas até prestarão atenção, porque não conhecem o Brasil todo e não saberão distingir golpistas de governistas a nível nacional nas diversas regiões.

Se citar alguma dessas fontes, o colega José Carlos receberá a solene falta de educação das dondocas, que o deixarão falando sozinho.

Tem que citar links de grupos governistas, como Record-IURD, O Dia, Carta Capital e Caros Amigos. Do Dia até achará alguma coisa, mas dos outros não achará nada.

Ah, pega mal ficar defendendo aquelas dondocas do demo-tucanato. A não ser que seja sua tendência política. Então que assuma, então. Fica mais elegante.

Resposta de José Carlos:

PS: Marcelo, já explicitei minhas convicções. Meu ideal está muuuuito loge do DEM e principalmente do PSDB. E concordo com sua avaliação sobre a venda casada. Fui o primeiro a abordar que quem votasse na Dilma levaria o Dudu também. Me sentaram o cacete por isso.

Mais uma postagem minha:

Um esclarecimento: a expressão dondocas progressistas é uma paródia ao autodenominado grupo blogueiros progressistas, surgido no ano passado para apoiar o Governo Lula-Dilma. É um contraponto às dondocas millenaristas do Instituto Millenium, ONG neoliberal habitada por diversos membros e profissionais do Partido da Imprensa Golpista e macacas de auditório do demo-tucanato.

Agora, não posso fazer nada se alguém veste a carapuça. Não faço ligação do termo dondoca com qualquer colega daqui, por mais que este se alie com adversários da categoria dos servidores públicos.



Eu acredito tanto no meu país (apesar de ser habitado por milhões de tolos de toda ordem, daí dizer-se "Brasil, um País de Tolos") que afirmo categoricamente: as coisas melhoraram e melhoram neste país APESAR DO GOVERNO, não por causa dele.

E tenho dito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário