Política, cultura e generalidades

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Nem lã de aço melhorará imagem de tucanos no Rio de Janeiro e no Rio Grande do Sul

Nesta era da TV analógica (prevista para acabar em 2016, não por coincidência o ano da Olim Piada 2016), é comum algumas pessoas tentarem melhorar a imagem da TV fixando lã de aço nas pontas das antenas internas da TV, aquelas duas varetas que formam um V. Dificilmente esse improviso dá certo.

Provavelmente os tucanos usarão lã de aço para tentarem melhorar a própria imagem no Rio de Janeiro. Por aqui, a imagem dos líderes do tucanato sempre foi a pior possível, devido aos milhares de desmandos da Era FHC. A ponto de, até hoje, os tucanos terem eleito apenas um governador na história do Rio: Marcello Alencar, que mesmo assim é um dos trocentos egressos do brizolismo e surfou na onda da popularidade do Plano Real, em 1994, como fez o próprio FHC. E, uma curiosidade: JAMAIS o PSDB elegeu um prefeito do Rio.

É evidente que os dois estados onde a imagem do PSDB é mais queimada são o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul. São exatamente os dois estados mais politizados da federação. O que não impede que, vez ou outra, os dois estados elejam figuras grotescas notórias, inclusive do próprio PSDB. Até hoje, não se sabe ao certo por quê o Rio Grande do Sul elegeu em 2006 uma governadora tão grotesca quanto Yeda Crusius, a Margaret Thatcher dos pampas. Isso no mesmo ano da reeleição do presidente Lula.

Fonte: coluna Informe do Dia, ontem na página 8 de O Dia.

Tucanos batem asas para o Rio


Tucanos cariocas levaram à direção nacional do PSDB a proposta de promover uma campanha publicitária para recuperar a imagem do partido no Rio. Querem estimular os simpatizantes e fortalecer a legenda, que não lança candidato a prefeito desde 2000 (nota do blog: o candidato tucano naquele ano foi o empresário e então deputado federal Ronaldo Cezar Coelho, que viraria Secretário de Saúde do prefeito eleito Cesar Maia). Em reunião com Sérgio Guerra, presidente nacional do partido, um tucano ouviu que Rio e Rio Grande do Sul são os dois estados que mais preocupam o comando do PSDB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário