Política, cultura e generalidades

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Tese polêmica: Eleição de José Serra desanestesiaria os movimentos sociais

Ouvi esta tese hoje do recado de um ouvinte do programa Faixa Livre (Rádio Bandeirantes AM 1360 do Rio de Janeiro). Segundo o ouvinte deixou subentendido, os movimentos sociais passaram o governo Lula cooptados pelo Governo, apáticos, sem combatividade, esperando as benesses caírem lá de cima (do Governo). Segundo o ouvinte, a chegada de José Serra à Presidência obrigaria os movimentos sociais a serem realmente combativos e ativos, o que os fortaleceria enquanto movimentos.

O deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ) participa do programa todas as segundas-feiras, e ouviu atentamente a tese do ouvinte. Comparou a tese à aquela outra segundo a qual a MPB (Gil, Caetano, Chico Buarque, Milton, Djavan, Fagner, Gonzaguinha, etc) era mais criativa durante a ditadura, e que hoje em dia sob regime democrático não tem a mesma inspiração. Chico Alencar até brincou: "Vamos então voltar ao reinado demo-tucano?".

Foi levantada no programa a hipótese de os partidos de esquerda voltarem a se unir na oposição ao governo Serra, tanto os atuais governistas (PT e partidos menores) como os atuais oposicionistas (PSOL e a extrema esquerda). Chico Alencar até lembrou da famosa anedota: "Será que a esquerda só se une na cadeia?", mas também alertou os partidos para pararem de pensar em si e pensarem mais no País.

Por fim, o deputado disse que até o voto em Serra seguindo uma tese dessas é uma opção válida. Sabe-se lá se o Chico estava desta vez caçoando ou não do ouvinte...



Sei não. Se um ouvinte telefona para um programa radiofônico de esquerda (que existe desde dezembro de 1994) para mandar uma tese polêmica dessas, deve ser porque essa tese já deve estar habitando a cabeça de muito esquerdista por aí. Se estiver mesmo, pode estar mais perto da realidade uma profecia do já citado Chico Alencar:

"Se é para a esquerda governar com o programa da direita, qualquer hora a população achará melhor entregar o Governo para a direita. Pelo menos a direita é mais autêntica".

Afinal, tem gente que gosta de sofrer. Pode ser uma ânsia de auto-imolação, ânsia de seguir o calvário de Jesus Cristo (este país tem uma cultura católica muito forte) ou coisa parecida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário