Política, cultura e generalidades

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Copa 2014: Te cuidem, governistas!


Os setores público e privado da África do Sul estão encontrando dificuldades para superar os prejuízos deixados pela Copa 2010, evento que deveria ter sido a última prioridade daquele país. O alto custo das obras públicas e a ociosidade dos novos estádios são uma dor de cabeça para os gestores e para os empreendedores privados locais.

Tal prejuízo tem sido motivo de reportagens em órgãos de imprensa em vários países. Menos no Brasil, onde a mass media local parece querer esconder o prejuízo sul-africano, temendo que ele seja interpretado pela população brasileira como um espelho do que acontecerá com este País de Tolos. A mass media brazuca também quer seu quinhão na pilhagem que políticos e investidores inescrupulosos promoverão na Copa 2014.

O governo Dilma Rousseff e seus partidos da base (PT e PMDB à frente) serão responsabilizados pela roubalheira, pelas fraudes nas licitações superfaturadas, pelos estouros dos orçamentos, pelas propinas generalizadas e pelo abandono da infraestrutura básica de educação e de saúde, além do abandono da segurança e do transporte para os bairros e cidades não diretamente envolvidos com a Copa.

Podem até tentar empurrar a responsabilidade para os tucanalhas e os demos, que já estarão fora do Governo desde o distante ano de 2002. Mas a conta cairá como uma bomba na conta petista-peemedebista, não na conta do liquidado consórcio demo-tucano.

Petistas influentes no Partido dialogam entre si, e temem a "fadiga de material" (palavras deles) que costuma atingir todo e qualquer partido que governa por 12 longos anos consecutivos. Já falam na inviabilidade de qualquer candidatura presidencial petista para 2014, mesmo de Dilma ou de Lula. Chega uma hora em que tanto tempo no poder atinge até a criatividade dos cretinos. Depois de terem feitos promessas de mundos e fundos durante três campanhas eleitorais vencidas consecutivamente, e de terem supostamente cumprido todas as promessas, chega uma hora em que acaba a criatividade, e não surge mais nenhuma nova ideia. Nenhuma proposta a ser feita. Pouca chance de enganar a população pela quarta vez consecutiva.

Eu sempre fui contrário à realização de eventos tipo Copa do Mundo e Olim Piadas no Brasil. Mas já encontrei uma utilidade boa para os dois eventos. Com os enormes prejuízos que estes eventos provocarão ao País de Tolos, tal como a Copa causou na África do Sul, será uma excelente oportunidade para detonar esses traidores da Pátria.

Em 2010, estamos detonando para sempre a velha guarda demo-tucana. Nos próximos anos, detonaremos o Governo. Se Copa e Olimpíada for o preço a ser pago para vermos emergir a Terceira Via ou o anarquismo puro e simples, que seja, então.

Nenhum comentário:

Postar um comentário