Política, cultura e generalidades

sábado, 28 de agosto de 2010

Leitor do Tributo ao Rádio do Rio de Janeiro faz defesa do fânqui (porque funk mesmo era o que James Brown fazia)

Seria bom vc saber como o funk carica começou saberia que ele veio começou derivado de vários ritimos um deles o miame que derivou do funky ...

E para chegar ate os dias de hj foi tudo sem muita pretensão a não ser se adaptar e pegar novos elementos lógico q exitem jogadas ...mais não exite armação e um movimento popular se não fosse assim mesmo com qualquer armação se o povo não gostar nao vende....agora engraçado falar tanto em MPB que uma sigla musica popular brasileira bom não presisa fazer uma pesquisa pra saber que o funk e um ritmo popular...e sendo que já tem mais de 30 anos de ritmo aqui no Brasil já poder ser considerado cultura mesmo que vc não acredite nisso mais e fato...o que vc não quer admitir e Tb não admite que o que vc considera de MPB já não e mais popular pois as coisas mudam gostos e cosumes mudam se não fosse assim ainda estaríamos numa caverna ou se paracemos no tempo podererimos queimar pessoas ou então aqui no Brasil numa ditadura ou na época da inflação tudo muda...tudo evolui tudo como na musica que apredemos a criar batidas nos tambores depois descobrimos arcordes depois afinação e assim por diante depois fomos questinando isso tudo pois a musica tem haver com a emoção não com a lógica e e difícil mesmo aceitar o novo quando já paramos no tempo...e fácil pra quem esta apenas começando e assim caminha a humanidade mudando , adaptando ,questionando mais no fundo são apenas diferenças de gerações e tentativas de melhoras se e bom ou Ruim o tempo diz...o funk ta ai muito mais atual que a MPB que vc se refere que deixou de ser poupular amuito tempo e esse atual do funk já tem quase 30 anos e não parece que va acabar tão sedo pois mistura com qualquer coisa...mais sei que e difícil mesmo aceitar sem compreender as mudanças de gerações...nao que funk seje a melhor coisa do mundo pelo contrario não passa de um ritmo que veio do estados unidos que foi abrasileirado...mais o fato e que meu avo gostatava do sua MPB eu gosto do que minha geração escuta e curti meu filho gostara de outra coisa que detestarei e seu filho de outra que ele detestara assim são as coisas diferenças de gerações...nada mais que isso nem melhor nem pior apenas dirente isso e o fato... pesquise mais musica procure se atualizar e estude a historia dos ritimos atuais e vai ver que artistas pegaram referencias do passado para recria coisas novas e mudaram tudo e assim será a musica não e imutável nem as línguas ,escritas,e costumes são coisa paradas no tempo...como falar que uma lingua e melhor que a outra vai ficando mais pratico...a palavra Você por exemplo começou como asuncê ate chegar a você a agora tudo encaminha para vc e errado para que Le e gosta de seguir regras mais e fato vai mudar...pois as coisas mudam...mesmo com um texto tão certinho mostrando ser alguém estudado e letrado não entendeu essas coisas que ~são fato....e talvez morra sem enteder ....

Escrito em 20 de agosto de 2010 por Flavinho DJ para o Tributo ao Rádio do Rio de Janeiro.

5 comentários:

  1. Recado para o Flavinho DJ: Mudar tudo bem, seu Flavinho DJ. Mas mudar para melhor. A mudança que o "senhor", Flavinho, propõe, é para pior, de volta aos tempos das cavernas.

    Tá na cara que o "senhor" puxou a brasa para a sua sardinha, pois trabalha no ramo. Enganar os outros com sua merda que é conhecida erroneamente de "funk" é o seu ganha-pão. Ou seja, enganar os outros é o que te dá casa e comida. Por isso que o "senhor" invade comunidades que não tratam de sua "profissão" para esculhambar quem é mais sábio que o "senhor".

    Flavinho DJ, pare com essa ilusão de querer "intelectualizar"o "funk". Tá na cara que só gente bronca e atrasada gosta do teu estilo "musical". Quando a humanidade se evoluir - EVOLUIR MESMO! - você vai ter que arrumar outro emprego, pois os trogloditas, publico-alvo do "funk" carioca, serão extintos no nosso planeta.

    Enfie teu discurso pseudo-intelectual no saco e cuida de tua vida. o "senhor" não precisa de nós, pois tem a Rede Globo todinha te apoiando.

    ResponderExcluir
  2. Sinto pena do Flavinho DJ e seu discurso demagógico. Infelizmente o maior vício dele é desperdiçar tantas palavras para desculpas tão infelizes

    Está na cara que o "funk carioca" não passa de um ritmo dançante chinfrim, totalmente oco, intelectualmente vazio, e que só se tornou "popular" (melhor dizer popularizado) graças ao apoio da grande mídia, sobretudo Rede Globo de Televisão, além de rádios FM dominadas pelas oligarquias regionais do RJ (sobretudo Baixada Fluminense).

    Flavinho DJ na verdade defende os interesses dos empresários de "funk", gente tão rica e cheia de alianças com grupos poderosos. Mas investigar quem são essas alianças é um risco.

    Em vez dessa choradeira toda, Flavinho DJ deveria ter um mínimo de sinceridade e dizer: "eu ganho muito dinheiro com esse negócio de 'funk' e não quero que vocês atrapalhem meu negócio". Seria menos pretensioso do que esse discurso pseudo-cabeça, pseudo-militante que o cara faz.

    ResponderExcluir
  3. Marcelo,
    Este cara está completamente desinformado. Ele não defende o verdadeiro funk e sim o FAVELA BASS, que é uma musica eletrônica que por suar vez é irmão do Techno. PAra se ter uma idéia do quanto o Favela Bass não é legitimado pelos apreciadores da Black Music, que está tendo um evento na estação da Leopoldina onde se toca e discute tudo sobre musicas negras e Favela Bass não entra e não é citado de jeito nenhum. Vá no meu blo e procure uma matéria que escrevi sobre Favela Bass.

    ResponderExcluir
  4. So pra explicar a vc meu caro marcelo eu não invado nada apenos defendo não só meu ganha pão mais um Ritmo que gosto muito,e que Desde e que tenho 14 anos me apaixonei por ele justamente pela injustiça de pessoas como vc hipocritas que não sei se é o seu caso mais discrimina o funk mais quando esta na balada não resite ao swing e dança...Exite muita gente assim...pq o Funk é discrimiado aqui no Brasil pq é um RiTmo nosso como o Rock nascional é porem tem suas particularidades...Aqui no Brasil tem muito disso já fizeram isso com o Samba hj muitas pesssoas que se julgava culturalmente superior jamais questionaria sua importancia como musica brasileira Anos atraz esse mesmo tipo de pessoal que julga culturalmente superior detestava e tinha opnioes iguais a sua...lembrando que o Funk ganho espaço depois de ser duramente criticado marginalizado e hj ja é melhor aceito a talvez futuramente respeitado totalmente...não sei mais não prescisa gosta apenas respeitar e tentar ver oq o Funk passou...sobre pessoas que tb gostam desse Ritmo ...ate alguns anos atraz uns 15 u 20 anos vc poderia disser que era so de jovens hj nao pq esses mesmo jovens se tornaram muitos deles pais de familia medicos,advolgados,policiais,todo tipo de proficonais que vc pode imaginar...fora que ja se deram continuidade a segunda geração e ja começa a terceira geração tb...sendo assim a adutltos jovens e crianças de todo tipo que gostam do q vc acha merda...Oque eu quero é respeito longe de mim achar que o funk e a melhor musica do mundo exitem musicas maravilhosas em outros Ritmos tb...Curto funk masi curto Samba de rais,Rock nacional e internacional,e varios outros estilios,e artistas sou fã de Rau seixas,e muitos outros...e conheço pessoas que gostam do funk e de outros estilos tb...Funk e um Ritimo dançante ou no caso dos raps reflectivo...porem na realidade como sempre digo o funk é um meio de expressao...um Reflexo da sociedade...como a muscia em geral é porem o funk é mais escrachado e por isso repudiado por pessoas que gostam de achar que o mundo tem que ser perfeito...e nunca vai ser ao contrario a tendencia do universo e se torna cada vez mais complexo e complicado...então nao me preocupo com o seu sonho de acha que um dia todo mundo vai querem ouvi so musica que vc acha que todos devem ouvir...pois isso nunca vai acontecer...

    ResponderExcluir
  5. ate admito que o funk acabe mais o maximo que isso pode acontecer e ele se torna outra coisa...pois o Ritmo e alguma coisa dele vai estar em algum lugar alias muita gente no brasil e ate no mundo tem pegado referencia dele seje na sensualidade ,na batida,na coreocrafia,e no jeito escrachado...e outras coisas que o funk tem que pessoas como vc nao leva em consideração mais que faz uma grande diferença para dura mais de 20 anos sem deixar de atigir varias geraçoes totalmente diferentes...pq o funk se mistura com tudo...e tudo se mistura com ele...isso ate musicos tem percebido e aproveitado...lembrando que o funk carioca não favela bass como o desiformado ai disse pois por estudiosos da musica assim que o funk do brasil e chamado pq realmente ele ta certo o funk é chamado de funk mais não é funk pois e deriado do miame bass...ele é chamado de funk carioca ou miame batidão um ritmos que caiu no gosto popular pq como aqui no brasil tudo que é percussão a galera gosta ate nosso Rock a percursão é mais destacada...mais lembrando que o miame é uma derivação do funk ok...e nada contra sua opnião ...mais so coloquei coisas que vcs desconhecem e nao viveram o que o funk conquistou hj foi com muita luta de gente que apenas gostava de um ritmo e queria ser respeitado por esse gosto...sei que tem muitos defeitos mais quem ou o que nao tem...ainda mais uma coisa que surgiu naturalmente...E hj esta na Globo e outras emissoras pq mexe com as pessoas...e hj nao so pessas de baixa renda e escolaridade ...hj tem um publico variado...e aceito pq viram seu valor de dirversão...e descontração...resulmido pra dançar destrair...curtir...mais nao é tudo na vida...Resumindo um meio de expressão...como toda musica é...e quem tiver duvidas de musicalidade do funk basta procura a definição musical por especialitas :conjunto de sons que agrada a pessoas que a escuta...tanto é que vila lobos um compositor brasileiro renomadissimo via musica no simples som de um carro passando ...pq aquilo agradava ele como musica...e usava esses sons do cotitidano em suas composiçoes...e logico o que aconteceu quando ele começou foi duramente criticado!!!ridicularisao e ouviu as coisas que vc acabou dizendo do funk...hj pessoas como vc que gostam do que ele fez acha o maximo...engraçado nao...o ser humano quando envelhece na mente fecha ela para o novo e a geração futura aproveita ela como lhe agrada...

    ResponderExcluir