Política, cultura e generalidades

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Petistas criticam a própria mãe-igreja


Trago aqui uma interessante postagem do blog relacionado Com Texto Livre:

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Como sempre, Igreja preconceituosa

Antro da pervertinagem sexual com menores, Igreja católica senta no próprio rabo para atacar adoção de crianças por casais homossexuais

CNBB critica adoção de crianças por casais homossexuais

A adoção por casais homossexuais não permite que a criança cresça em um ambiente familiar formado por pai e mãe, segundo o padre Luiz Antônio Bento, assessor da
Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O direito à adoção por casais gays foi reconhecido pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) em decisão inédita.

De acordo com o padre, nem sempre o que é legal é moral e ético. Para ele, as crianças têm o direito de conviver com as figuras masculinas e feminina no papel de pais. O pastor Paulo Freire, da igreja evangélica Assembleia de Deus, tem posição semelhante à do padre Bento. "A criança precisa da figura do pai e da mãe para entender a vida", disse. Toni Reis, presidente da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), afirma que as críticas à decisão do STJ incitam o preconceito.

By: Língua de Trapo

Marcelo Delfino disse...

Claro que a CNBB ou a Igreja como um todo não prestam. Só prestam quando criam entidades esquerdistas como o PT, a CPT e outras do mesmo naipe, ou quando acobertam figuras como o Cardeal Aloísio Lorscheider, Dom Marcelo Pinto Carvalheira e Frei Betto.

quinta-feira, 29 de abril de 2010 12h32min00s BRT

zcarlos disse...

Marcelo, vc não tem argumentos para debater? Penso que também não tem muito conhecimento sobre a História da Igreja.

E vc esqueceu, ou desconhece, uma figura ímpar dessa Igreja hipócrita... que, diferentemente da instituição Igreja, merece todo meu respeito como grande Homem e pensador que foi, além de brasileiro patriota.

Não vou dizer o nome. Pesquise... caso não encontre, pergunte-me depois.
Abs.

quinta-feira, 29 de abril de 2010 13h42min00s BRT

Marcelo Delfino disse...

Ih, amigo Zcarlos, já vi que você não me conhece. Esse negócio de falta de argumentos para debater não colou. Pra seu governo, eu reproduzo uma carta-denúncia contra a entidade diabólica conhecida como CNBB, em meu blog: http://brasilpaisdetolos.blogspot.com/2010/03/carta-congregacao-para-doutrina-da-fe.html

E se você se referiu ao professor Alceu Amoroso Lima, saiba que já sei de quem se trata.

Voltando ao assunto original, também sou favorável à punição desses traidores do Evangelho que eu prefiro chamar de bandidos de hábito ou de batina. Tão bandidos como os bandidos de toga, os bandidos de farda, os bandidos de colete...

Se eu pensasse como você, teria que denunciar a igreja hipócrita, o Poder Judiciário hipócrita, as FFAA hipócritas e as polícias hipócritas.

quinta-feira, 29 de abril de 2010 17h59min00s BRT

zcarlos disse...

Marcelo, pq vc não usa seus argumentos então!

Tanto a Igreja quanto a CNBB consequentemente, e não poderia ser diferente, são instituições que não possuem moral nenhuma. Enganam seus fiés com a crença num personagem (
JC) que jamais existiu.

Tudo engodo.

E quanto ao homem que me referia, não é Alceu de Amoroso Lima; mas sim Dom Élder Câmara!

Abs meu amigo.

quinta-feira, 29 de abril de 2010 19h05min00s BRT

Marcelo Delfino disse...

Eu devo estar com paciência, hoje.

Sim, Dom Hélder Câmara era um grande homem. Foi o fundador da Cruzada São Sebastião e também da Feira da Providência (e consequentemente do Banco da Providência), ambas do Rio de Janeiro. Isso quando ele era bispo auxiliar do Rio. Depois é que ele foi mandado a Recife para ser Arcebispo de lá.

Meus argumentos próprios são bem fáceis de compreender: se a Igreja é comandada por humanos (já que, segundo você, Jesus nunca existiu), é evidente que esses tais homens cometerão falhas graves. Sempre foi assim e sempre será, até o fim dos tempos. Infelizmente as críticas não irão parar os bandidos de batina. Só a polícia, a Promotoria e o Judiciário é que podem.

Agora, eu fico embasbacado vendo um blog petista e dilmista como o seu fazer críticas à Igreja Católica e à CNBB. Ora bolas. Todos sabem que o PT tem pai e tem mãe. O pai é o movimento sindical do ABC paulista, de onde surgiu Lula. A mãe é a ala esquerdista da Igreja (CNBB, CPT, etc). Portanto, se você defende tanto o PT e sua candidata a presidente, deveria se ater a condenar os bandidos de batina, não a instituição que pariu o PT.

Se alguns petistas tem críticas à Igreja ou à CNBB, façam dentro de casa. Não critiquem a própria mãe em público.

quinta-feira, 29 de abril de 2010 19h28min00s BRT

Marcelo Delfino disse...

Aliás, não vejo o pastor Paulo Freire ser criticado aqui com a mesma veemência com que o clero católico é criticado, apesar das posições semelhantes.

Dois pesos, duas medidas.

quinta-feira, 29 de abril de 2010 19h56min00s BRT

Um comentário:

  1. Só para deixar bem claro:
    Não sou petista nem filiado a nenhum partido.
    Socialista sou sim!
    Não critico a Igreja católica somente, mas todas as igrejas.
    Agnóstico sou sim!

    ResponderExcluir