Política, cultura e generalidades

domingo, 25 de abril de 2010

Do filme do Lula ao vídeo Globo 45 anos


Eu digo e repito: os membros das Organizações Globo são favoráveis apenas a si mesmos. É evidente que eles já escolheram seu candidato preferido em 2010: José Serra. Mas isso não significa que ela seja serrista, tucana ou coisa parecida. Ela pode se voltar contra quem apoia, bastando que venha a vontade. Vide o presidente Collor, que eles elegeram e tiraram.

E eu não esqueço que a Globo Filmes é uma das produtoras do nefasto filme de propaganda Lula, o Filho do Brasil. Portanto, nada de ligar a Globo ao antilulismo!

Na quinta-feira passada, apareceu um comentário interessante no Blog do Miro, que trago para cá:

Alene disse...

Engraçado, quando a emissora se mobilizou pra fazer uma mega produção cinematográfica endeusando o mito
Lula, em véspera de eleição, bem depois de receber "ajudinha do BNDES' pra não falir, e emprestando alguns globais para estrelarem o filme, ninguém se mobilizou, nem TSE, nem internautas, nem acusações sobre ser tendencioso...

Talvez alguém deva escrecer também:
TV Globo, o filme de Lula e os ingênuos. Que a Globo é tendenciosa, não há dúvidas, mas jogar pedras apenas quando a tendência não agrada, é ser igual a ela.

Lei pra um, lei pra todos...

Pra mim, até que se prove o contrário, são todos iguais. E nós, de marionetes, agindo de acordo com os interesses.


De fato, não houve grandes mobilizações contrárias ao filme no TSE e entre os internautas. Quanto a acusações de ser tendencioso, só mesmo de alguns oposicionistas e de blogueiros independentes, como este aqui.

Um comentário:

  1. Ela tem razao Marcelo e certamente houve sim muitos blogueiros contra esse filme, e so ver as datas das postagem e ver o que escrevemos. Eu achei um absurdo mas que podemos fazer contra pessoas tao poderosas? Bem feito para Lula e para a Globo que o filme foi um fracasso! Acao e reacao!

    ResponderExcluir