Política, cultura e generalidades

quarta-feira, 10 de março de 2010

Imprensa ironiza Serra e Serra dá o troco


O PiG também se lembra em atuar como Partido da Imprensa Governista. Governista em relação ao Governo Federal.

Fonte: o jornal linha de frente do PiG.

Serra anuncia projeto de construção de ponte que ainda não foi licitada e diz achar 'curioso' o que lê na imprensa sobre ele

Publicada em 09/03/2010 às 16h07m
Wagner Gomes, O Globo

SANTOS, SP - Mesmo sem anunciar oficialmente sua candidatura à Presidência, o governador
José Serra teve nesta terça-feira mais um dia de candidato. Serra foi a Santos, no litoral paulista, anunciar o projeto de construção de uma ponte que vai ligar a cidade ao Guarujá. A obra ainda não foi licitada e levará dois anos e meio para ser concluída após a assinatura do contrato.

- Precisamos um mês para detalhar o projeto e, a partir daí, será feita a licitação. A obra será concluída em dois anos e meio após a assinatura do contrato - afirmou Serra.

Essa é a quarta vez que o governador viaja à Baixada Santista nas últimas três semanas. Durante o feriado de carnaval, Serra foi à Praia Grande e chegou a entrar no mar de calça jeans e tênis durante o lançamento de um projeto que facilita a entrada de portadores de deficiência física no mar. Na semana seguinte, visitou Bertioga, novamente a Praia Grande, Mongaguá e Itanhaém para anunciar a ampliação da rede de esgoto na região. Ele também inaugurou um conjunto habitacional onde famílias que moram em áreas de risco em Cubatão, na Serra do Mar, foram transferidas.

"Às vezes, eu fico sabendo pelos jornais o que eu penso, o que vou fazer, o que os outros pensam... Isso me desperta curiosidade, nada mais"

Nesta terça-feira, o governador chegou às 13h30m a Santos, uma hora depois do previsto. Ele falou com os jornalistas e atravessou a balsa que liga as duas cidades. Debaixo de sol, conversou com populares e posou para fotos.

Serra não quis falar sobre política. Ao ser perguntado sobre a preparação do PSDB para um encontro nacional no qual faria o anúncio oficial de sua candidatura, uma espécie de pré-convenção, no dia 22 de março, o governador foi enfático.

- Li hoje no jornal. Às vezes eu fico sabendo pelos jornais o que penso, o que vou fazer e o que os outros pensam. Isso só me desperta curiosidade, nada mais - afirmou.

Tasso: Não dá mais para ficar sem candidato

Na segunda-feira, em Fortaleza, o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) afirmara não estar convencido de que a estratégia do governador de São Paulo de adiar ainda mais o anúncio de sua candidatura seja boa e que seu nome "não está à disposição" do partido . Ele sugeriu que o governador 'caia na vida', referindo-se ao ritmo acelerado da campanha de Dilma Rousseff à Presidência da República.

Projeto da ponte Santos-Guarujá é antigo

O projeto da ponte Santos-Guarujá é antigo e prevê, inicialmente, a construção de um túnel sob o mar. A obra custará R$ 700 milhões e será financiada pelo governo paulista. A ponte terá 4,6 km, sendo 1 km de ponte estaiada. Atualmente, a travessia Santos-Guarujá é feita por balsa. São cerca de 24 mil veículos transportados todos os dias, além de 1 milhão de pessoas que moram em Santos, São Vicente e Guarujá. Em feriados, a balsa chega a receber mais de 30 mil veículos por dia. A travessia é rápida, mas a fila de espera é demorada.

Segundo Serra, o projeto prevê duas faixas em ambos os sentidos. A ponte terá uma altura de 80 metros e terá acesso do lado de Santos pela Avenida Mário Covas, próximo a Avenida Coronel Joaquim Montenegro. No Guarujá, será na Avenida Santos Dumont, próximo ao Jardim Santo Amaro.

Como há previsão de desapropriações, o governo pode ter que pagar R$ 15 milhões em indenizações aos moradores do Guarujá. As balsas serão reduzidas e servirão apenas para transporte de ciclistas e pedestres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário