Política, cultura e generalidades

quarta-feira, 17 de março de 2010

Críticas a Lula e ao PAC na CPT


Me engana que eu gosto. Quando a campanha de Dilma Rousseff for para as ruas, rapidinho a ala petista da CNBB se calará e sairá às ruas com suas bandeiras e estrelas do PT e do 13.

Fonte: Rudá Ricci.

Quarta-feira, 17 de março de 2010

Encontro nacional da CPT

Estou em Goiânia, participando do encontro do Conselho Nacional da
Comissão Pastoral da Terra. As críticas ao governo Lula (dom Tomás Balduíno está presente) é muito forte, assim como a crítica ao PAC (e grandes projetos de desenvolvimento) que estariam desmontando a lógica de sobrevivência das populações e povos tradicionais (quilombolas, populações ribeirinhas, nações indígenas). Mas há uma evidente trama da origem das pastorais sociais (o foco e a lógica das ações comunitárias, locais) que os impede de dar o salto para a concepção de controle sobre territórios. Daí, percebem que apenas reagem, mas não conseguem ser protagonistas. As ações do Movimento de Atingidos por Barragens (MAB) é citada por muitos como exemplo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário