Política, cultura e generalidades

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

A solidariedade de Marcelo Figueiredo Pereira


Que esta publicação seja minha forma de agradecer ao meu xará.

Marcelo edita o blog parceiro Planeta Laranja.

Fonte: Comunidade Dial Rio de Janeiro.

Conheço o Delfino e sei que ditador ele não é mesmo.

Já vi moderadores de outras comunidades do Orkut cometerem coisas bem piores que o que Delfino cometeu e a maior parte dos membros fica aplaudindo e apoiando.

Brasileiro é povinho maria-vai-com as-outras e só faz o que a mídia manda. Se um líder ou moderador está de acordo com a mídia, ele é obedecido, não é considerado "ditador". A mídia e as regras sociais impõem cerveja, carnaval, futebol e toda o ultra-burocrático cotidiano da vida social. Até para arrumar namorada existem regras injustas.

Fazem tudo que os "fortes mandam, sem analisar se vale a pena ou não. Futebol, por exemplo. Parece que no Brasil, se é obrigado a gostar desse esporte chato e popularesco. Quem não gosta é "estranho", "antipático" e "inimigo". Neste momento uns flamenguistas infelizes berram em plena noite, sem lembrar que outras pessoas trabalham. Berram porque as regras sociais e a mídia mandaram berrar. É esse povinho eternamente modista que chama Delfino de "ditador". Ditador é a mídia!!!

Em solidariedade a ele, vou sair da comunidade. Não precisa me expulsar. Continuem empinando os traseiros com o Paulo Fucker, perdão, Becker e seu "funquinho" de merda e com todo o cocô despejado pelos meios de comunicação.

Rádio R.I.P. Passar bem. Fui!

2 comentários:

  1. O nosso amigo Marcelo Delfino pode ser polêmico, mas com certeza ele não é ditador nem arrogante. Ele sofre porque, assim como eu e meu irmão, temos senso crítico, o que estraga com as ilusões e credulidades de muita gente.

    Delfino procura se informar do meio radiofônico como poucos e a saída dele torna-se uma grande perda para a comunidade Dial Rio de Janeiro no Orkut. Mas, se assim quiseram os que se revoltaram contra ele, que assim seja. A comunidade tornou-se então um feudo dessas pessoas.

    Também saí da comunidade Dial Rio de Janeiro, solidário ao Delfino, que continuará com seu blog e o site do Tributo, procurando diminuir a escuridão com sua pequena mas ágil lanterna.

    Nossos blogs são feitos para repercutirem a longo prazo. Não se tornam sucessos de uma hora para outra, numa época em que bobagem chama muito mais gente. É o que se vê no Orkut, onde muita comunidade alienada tipo "Eu Odeio Acordar Cedo" (que foi espinafrada até no seriado de TV "A Grande Família") atrai muito mais membros que qualquer comunidade que procure despertar a humanidade.

    Reitero aqui minha solidariedade ao Marcelo Delfino.

    ResponderExcluir
  2. Puxa, obrigado pela publicação. Não foi puxa-saquismo, não. Vc sempre manteve a coerência.

    O povo adora líderes que compactuam com a maioria, com a mídia. Se a ivete sangalo ou mesmo o Paulo Becker tivessem feito o que vc fez, ninguém teria chiado.

    O povo quer oba-oba, festa, pinga, sexo e bola na rede. E só isso.

    Quem tentar regulamentar e organizar as festinhas bacanais do gran-monde é taxado de ditador sem dó nem piedade.

    Não vi nada demais na sua administração da comunidade. Liga, não. Eles estão vendo cabelo em ovo.

    ResponderExcluir