Política, cultura e generalidades

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Mensagens subliminares da Globo contra cadeirantes



Não me venham as globetes dizerem que a Rede Globo colocou uma personagem cadeirante na novela Viver a Vida para apoiar a causa deles. Se a Globo fosse tão zelosa com os portadores de deficiência, jamais permitiria ao sr. autor Manoel Carlos colocar uma personagem importante que não é vilã, como Ingrid (Natália do Valle) desferir impropérios contra a personagem tetraplégica da novela, no caso, Luciana (Alinne Moraes). Como se Luciana estivesse planejando arrastar um dos filhos gêmeos de Ingrid, Jorge (Mateus Solano) ou Miguel (Mateus Solano) para uma vida de limitações num hipotético casamento.

Geralmente, esses personagens vacilantes das novelas trazem nos lábios muitos dos conceitos que os sócios e os executivos da Rede Globo trazem, especialmente os responsáveis pelos Recursos Humanos da empresa.

Aqui temos um novo ataque de Ingrid à Luciana. Um ataque que ela não teria coragem de desferir pessoalmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário