Política, cultura e generalidades

sábado, 16 de janeiro de 2010

Cônsul do Haiti pode alegar imunidade territorial

Nessa polêmica toda em que o infeliz cônsul do Haiti em São Paulo destratou o próprio país e fez declarações racistas, numa entrevista na sede do consulado, ele pode alegar a imunidade territorial do próprio consulado, para escapar de um processo por racismo. Pra quem não sabe, racismo é crime inafiançável na legislação brasileira.

Não sei como é a legislação haitiana, mas o senhor cônsul tem que saber como a banda toca por aqui. Ele pode escapar do processo por racismo, mas não pode escapar das críticas.

As autoridades do Haiti já deveriam ter removido o cônsul de São Paulo. E mandado ele voltar para o Haiti, como punição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário