Política, cultura e generalidades

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

José Serra também denuncia o PIG - 2

Sr. José Serra Burns
Depois dos vários argumentos dos blogueiros que me convenceram da atualidade da natureza esquerdista de José Serra, sou obrigado a rever muito do que escrevi em José Serra também denuncia o PiG.

Neste caso, José Serra não tem cara de pau coisa nenhuma. O PiG existe mesmo, e é todo esquerdista, vendido ao Governo Federal (não ao estadual de Serra) para relegar as vozes discurdantes a espaços já naturalmente elitizados. Vejam o caso clássico do bobo da côrte tucana Arnaldo Jabor. De um espaço no ultra popular Jornal Nacional, foi exilado no Jornal da Globo, na CBN e n'O Globo.

José Serra é culpado de muita coisa. De não fiscalizar as obras do Rodoanel, nem as obras do Metrô (que quase engoliram a Abril, que ficou quietinha demais para uma empresa que dizem ser fascista e tucana). Culpado também por não amparar adequadamente as vítimas da enchente na Zona Leste da capital e suspeito até de genocídio. Só não pode sofrer esta orquestração da mídia comprada pelo Governo Federal. Podem ver: tanto no Governo Lula como nos anteriores, o PiG é domesticado com muita ração. Muitos anúncios da Petrobrás, do Banco do Brasil, da Caixa Econômica, dos Ministérios...

Há de se anotar que o PiG é governista, não contra o Governo. O golpe midiático aqui sempre foi contra as oposições. Foi assim nas eras Sarney, Collor e FHC. Não cito aqui os governos militares, porque aqui o golpista era o próprio Governo, que derrubou João Goulart (caso único de presidente vítima, não incentivador do PiG) e não precisava comprar a imprensa. Mandava a Censura e alguns milicos armados para as redações e ficava por isso mesmo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário