Política, cultura e generalidades

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Eduardo Paes: ‘Entre Obama-Chicago e Lula-Rio, o Rio vai dar de goleada’

Diga Não ao Rio 2016
Deve ser realmente uma beleza ser prefeito de uma cidade onde não há buracos nas ruas, o trânsito e o transporte público são maravilhosos, onde as escolas públicas oferecem educação de qualidade, onde os serviços de saúde funcionam plenamente...

Só isso justificaria o fato de o prefeito Eduardo Paes fazer tanta piadinha. Como diria Martinho da Vila, "tá delícia, tá gostoso".

Fonte: Globo Esporte.

Prefeito carioca diz não estar preocupado com a presença do presidente americano em Copenhague e aproveita para pedir o voto de Joseph Blatter

Thiago Lavinas
Rio de Janeiro

Ao saber que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, irá a Copenhague para apoiar a candidatura de Chicago a sede das Olimpíadas de 2016, o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse não estar preocupado. Segundo ele, a dupla brasileira, formada por Luiz Inácio Lula da Silva e Rio de Janeiro, não vai dar chances à americana. As duas cidades competem ainda com Madri e Tóquio. Paes viajará à Dinamarca na noite desta segunda-feira. A votação do Comitê Olímpico Internacional (COI) será na sexta.

- Não estou preocupado. Entre Obama-Chicago e Lula-Rio, o Rio vai dar de goleada – disse Paes, nesta segunda-feira,
durante o lançamento da pedra fundamental da sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do centro de treinamento para a Copa de 2014.

O prefeito aproveitou para pedir o voto do presidente da
Fifa, o suíço Joseph Batter, e do presidente da Confederação Africana de Futebol (CAF), o camaronês Issa Hayatou. Eles, que estão no Rio de Janeiro, fazem parte do grupo de 97 dos 106 membros do COI que participará da primeira rodada da votação.

- Conto com os votos deles - disse.

Segundo Eduardo Paes, a primeira fase será a mais difícil. Se nenhuma das quatro cidades tiver maioria dos votos, uma delas é eliminada e outra votação é feita, apenas com as três restantes. Caso a situação se repita, mais uma será eliminada.

- Sempre há acordos com as cidades que foram eliminadas – disse, referindo-se à
aliança entre o Rio de Janeiro e Madri.

O Brasil tem dois representantes entre os membros no COI:
João Havelange e Carlos Arthur Nuzman. A Espanha tem apenas um: Juan Antonio Saramanch Júnior. Os membros da cidade eliminada entram na rodada seguinte da votação.

saiba mais
Nuzman revive sentimentos da época de atleta e afirma: 'Rio já conquistou ouro'
Fonte da Casa Branca garante presença de Barack Obama em Copenhague, dia 2
Premiê do Japão vai a Copenhague
Para secretário, presença de Barack Obama é prova da força do Rio de Janeiro

Um comentário:

  1. Chicago 2016. Aniversário de 55 anos de Barack Obama, um dos filhos ilustres da cidade!

    ResponderExcluir